segunda-feira, 27 de abril de 2015

Erupção do vulcão Calbuco, como está a situação em Bariloche?


Foto Emprotur, aeroporto de Bariloche, domingo 26/04


Bom dia queridos leitores,

Estamos começando a semana e na expectativa do que irá acontecer nos próximos dias e o que ocorrerá com o vulcão Calbuco. Muitos leitores e clientes estão me escrevendo  por não saber  o que está passando de fato e como deveriam atuar,  já chegaremos neste ponto no final desta postagem.

 Repito, não ocorreu uma catástrofe em Bariloche, as localidades mais prejudicadas foram as que estão em um raio próximo ao vulcão, do lado chileno (Region Chilena de Los Lagos). Do lado argentino, quem teve uma situação menos favorável foi a cidade de Junin de Los Andes, bem mais ao norte. Em Bariloche, o pior que aconteceu foi a chegada de cinzas fininhas, que inclusive já chegaram até ao sul do Brasil.  Como venho comentado antes, a situação é muito mais tranquila do que em 2011 e nem se compara. As plantas e os animais não foram afetados, a água está potável, as cinzas não são tóxicas, não tivemos acúmulo de areia vulcânica, não estamos isolados, enfim, estamos seguindo a rotina como sempre. Igualmente por ser um fenômeno  muito recente (e o ser humano por natureza é um bicho ansioso, rss), é impossível dar um parecer exato do que irá acontecer com relação às cinzas nos próximos dias.
Ontem, por exemplo, a direção do vento mudou, fazendo com que  as cinzas que já tinham caído se elevassem ao ar, e novamente, ficamos  como se tivéssemos uma neblina  na cidade.  Isto ocorreu depois de dois dias de sol mais despejados. O aeroporto que tinha sido aberto neste domingo, teve os voos novamente suspendidos até hoje cedo e neste momento, devido as melhoras nas condições climáticas, alguns voos serão retomados à tarde.  

Em minha opinião, não estamos vivendo situação grave, mas sim é uma situação incerta, principalmente nos próximos dias, no que se refere a se os voos estarão chegando regularmente, se a paisagem estará despejada ou não. Estes são os dois pontos fundamentais das nossas dúvidas em curto prazo, além do que irá acontecer com o vulcão no Chile, portanto, o presente deve ser vivenciado no dia a dia e com paciência, sem sensacionalismos e desesperos.  Como disse antes, aqui estamos encarando esta situação aprendendo a conviver com este evento da natureza, tão característico da Patagônia, cuja grande parte da paisagem e suas belezas, que tanto encantam aos turistas, foram formadas pelas atividades vulcânicas que em maior ou menor escala, já vem ocorrendo desde milhões de anos atrás.

Se pensarmos em nível e tempo geológico, podemos dizer que as atividades vulcânicas no presente são tranquilíssimas e possuem uma grande piedade com todos nós, pobres mortais, rsss, se comparadas às que ocorreram há milhões de anos atrás (vários vulcões entraram em erupção ao mesmo tempo em todo o mundo), que junto à queda de um asteróide e grande aumento do nível do mar, foram fatores determinantes que culminaram na extinção dos dinossauros aqui na Patagônia e em outras partes do mundo.

Voltando ao presente, o vulcão Calbuco segue em atividade, o que é normal após uma erupção, aliás, na Cordilheira dos Andes tem vários vulcões que estão ativos e de alguma maneira em atividade (somente no Chile existem 90 vulcões ativos),  que constantemente estão sendo monitorados. Digo isto não para assustá-los, mas sim para que possam encarar a situação com mais normalidade, sem entrar no jogo sensacionalista da mídia, que por sinal, adora vender uma tragédia para ganhar audiência.

Vamos ao que interessa à muitos neste momento. Muitas pessoas que estão de viagem marcada para os próximos dias (final de abril / início de maio), estão me escrevendo e perguntando se cancelar ou não. Pelas explicações que dei anteriormente, eu realmente não tenho como responder de maneira correta esta pergunta e nem devo. O que eu posso dizer é o seguinte: se a decisão for por viajar nos próximos dias, existe a possibilidade de que haja cinzas no ar em algumas ocasiões e talvez sejam cancelados ou não alguns voos, ou seja, sinceramente esta decisão seria como jogar na roleta e tem que arriscar mesmo. Quem vem por agora e puder adiar a viagem, talvez seja a melhor escolha para poder dar  um pouco mais de tempo para as nossas incertezas, que repito, não são graves. Quem puder esperar um pouquinho mais (quem vier de meados ao final de maio), para tomar uma posição
 definitiva, talvez seja a melhor decisão. Gostaria de esclarecer este comentário é um palpite meu, não sou a dona da razão, aliás, estou longe disto.

Para quem virá a partir de junho e no inverno, não se preocupem e não cancelem nada, falta muito para a viagem e como eu disse antes, a situação não é grave a ponto de já  pensarmos  a longo prazo. Eu particularmente estou muito confiante de que a temporada de inverno será maravilhosa e sigo trabalhando muito para isto!

Seguirei colocando as novidades aqui pelos comentários e principalmente na fan page do facebook: https://www.facebook.com/barilocheparabrasileiros. 

Aproveito para agradecer o carinho e preocupação das pessoas que me escrevem, podem ficar tranquilos que aqui estamos muito bem, com saúde, com muito trabalho e bem positivos!



Uma ótima semana para todos e espero por vocês em Bariloche!



sexta-feira, 24 de abril de 2015

Aviso importante e agradecimentos


Prezados leitores do blog e clientes da Bariloche Select Travel,

Antes de qualquer coisa, gostaríamos de agradecer imensamente às milhares de entradas (já são mais de 200 mil!), consultas e palavras de incentivo ao nosso trabalho, muito obrigado pela confiança!

Para não gerar incertezas aos nossos clientes, gostaríamos de avisar que devido à situação atual do vulcão Calbuco e até que tudo volte à normalidade, por enquanto não estaremos realizando reservas antecipadas via online, até novo aviso.  

Estamos muitos confiantes que tudo se resolverá em breve, enquanto isso, seguimos trabalhando para melhorar cada vez mais e poder sempre brindar a melhor atenção ao turistas brasileiros em Bariloche.

Um grande abraço!




quinta-feira, 23 de abril de 2015

Erupção do vulcão Calbuco, no Chile

Boa noite,

Gostaria de tranquilizar a todos sobre este fenômeno que ocorreu ontem no Chile (emtre Puerto Montt e Puerto Varas. Apesar de estarmos com cinzas em suspensão no ar, está erupção nem se compara com a erupção de 2011  (a do vulcão Puyehue), a situação está bem mais tranquila para Bariloche. Por esta razão, aqui na cidade estamos vivenciando este fenômeno com calma e tomando algumas precauções prudentes, como usar máscaras, permanecer em casa e fechar o aeroporto por uns dias. Não consideramos está erupção ocorrida no Chile uma situação de catástrofe aqui em Bariloche, ao contrário, encaramos esta situação como um fenômeno natural típica da região da Patagônia. Neste momento temos luz, água potável, os supermercados e alguns comercios estao abertos, ou seja, seguimos nossas rotinas apesar desta leve cinza. Agora no início da noite a quantidade de cinza deu uma melhorada.

Toda esta situação está ainda muito recente, por esta razão gostaria de pedir que não se impressionem com o que vejam na mídia, que geralmente transmite uma situação de pânico. Qualquer novidade para bem ou para mal, estarei divulgando.

O link a seguir é sério e mais técnico para ir acompanhando como está se comportando o vulcão. Pertence ao Servico nacional de Geologia e Mineria do Chile:

http://www.sernageomin.cl/detalle-noticia.php?iIdNoticia=213

Foto de hoje (16 hs) do vulcão Calbuco, que está localizado a 110 km em linha reta de Bariloche. O que vemos na mídia constantemente sao as imagens de ontem, em plena erupção.





Estarei informando as novidades sobre este assunto aqui no blog, a idéia é colocar informações responsáveis e com propriedade, sem generar pânico desnecessariamnte.

Aos que virão a Bariloche  no inverno, fiquem tranquilos, e as pessoas que chegarão por agora, é bom ir se informado com noticias sérias e não sensacionalistas.


Um abraço enorme desde Bariloche!

domingo, 5 de abril de 2015

Desde Bariloche, desejo a todos uma Feliz Páscoa!

Bom dia, amigos leitores,

Aqui em Bariloche estamos comemorando a Páscoa e hoje será finalizada a Festa Nacional do Chocolate, onde agora a pouco no Centro Cívico ocorreu a ruptura do tradicional ovo gigante de mais de 8 metros de altura e 8,5 toneladas (foto abaixo). Estão sendo distribuídas mais de 40.000 porções de chocolates para os visitantes e residentes. O dia amanheceu “fresquinho”, porém bem agradável e ensolarado, agora às 11 hs temos uma temperatura de uns 13°C , um lindo dia de outono.




Gostaria de desejar a todos os brasileiros, especialmente aos leitores do blog e a todos aqueles que me escrevem com tanto carinho, uma feliz Páscoa e que todos possam celebrar a esperança de uma vida melhor, a transformação, a união e harmonia entre todos e que de alguma forma possamos colocar em prática os ensinamentos deixados por aquele “cara lá de cima”, independente das nossas religiões e ideologias.



Uma ótima semana para todos !